domingo, julho 26, 2015

Solidão - Fernando Pessoa

Um comentário:

Daniela disse...

Quando percebermos que amando a si mesmo primeiro é o primeiro passo para aprendermos a amar o outro, será algo tão natural, sem ter dia ou hora marcada! Ame o voar do passarinho, o sorriso de uma criança, o cheirinho de terra molhada...