quinta-feira, janeiro 26, 2017

Breve o dia - Fernando Pessoa

Breve o dia, breve o ano, breve tudo.

Não tarda nada sermos.

Isto, pensado, me de a mente absorve

Todos mais pensamentos.

O mesmo breve ser da mágoa pesa-me,

Que, inda que mágoa, é vida.

Fernando Pessoa

3 comentários:

Kelly disse...

Refleti muito sobre a brevidade de tudo em nossas vidas. Ficamos apegados a muito(coisas e pessoas) que não nos da prazer.

Prince você é uma delícia de se ver.

Daniela disse...

Cada dia uma nova aprendizagem! A brevidade da vida é o segredo para se viver em paz consigo mesmo! Tenho descoberto novos valores da vida com seus poemas, Prince! Beijos!!!

Cris disse...

Você traz poesias de Fernando Pessoa que me fazem pensar na minha vida.
Lindo!